segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Tráfico


Nesta segunda-feira, 22, policiais civis da DIG/DISE de Rio Preto prenderam em flagrante L.V.S.C. de 24 anos, no Jd. Dom Lafayete. Ele estava sendo investigado por armazenar, subdividir e revender cocaína no bairro. Após o levantamento do local, a equipe foi até à casa do suspeito e em revistas no imóvel localizou duas balanças de precisão, material para embalagem, um simulacro de pistola, anotações do tráfico e um tijolo de cocaína.
L. que não tinha passagem pela polícia e estava desempregado, foi conduzido à DIG e preso em flagrante por tráfico de drogas.


Fonte e foto:DIG-DISE-divulgação.

Bom diaaaaaaa




Cada dia de nossa vida é um marco em nossa existência. Às vezes nos surpreendemos com dias floridos e belos, mas muitas vezes eles são nublados e até frios... Nossa vida é assim, está em constante movimento. A roda da vida não pára, sorrimos e choramos, aplaudimos e vaiamos, sofremos e vibramos, nos divertimos e nos emburramos... são paradigmas da evolução. Assim caminhamos e vamos deixando de ser pedras brutas para pouco a pouco nos transformarmos em diamantes. As veredas de nossa vida de repente são tortuosas, porém se assim são é porque temos força para suportá-las, não podemos nos entregar! Mas tantas vezes s ão iluminadas e repletas de alegria e prazer, é sempre hora de agradecer! No vai e vem deste trem chamado vida, vamos deixando para trás as pessoas que fizeram parte de nossa história mas que não mais preenchem um lugar em nossa trajetória, também vamos acolhendo outras que surgem e nos encantam com um jeitinho especial e que tão rapidamente tomam conta do nosso trivial... Faz parte do nosso show conquistar, seja um amigo, seja um amor, um trabalho, um lar... e ao show da vida cabe apenas o nosso caminho abençoar. Simples assim, basta voc ê acreditar! (Denise Flamboiant)

Apoio:


Infelizmente terei de me ausentar por um tempinho, pois um dos meus patrocinadores me deixou. Assim que eu conseguir outro (se vc quiser se apresentar como tal, agradecemos... rs) eu retorno a este mundo interessante de Joilda!

Denise


22-09-2014-

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Tráfico

Polícia Militar prende traficante em Engenheiro Schimidt

Na data de 18-09, por volta das 20h40, durante operação saturação em Engenheiro Schmidt, distrito de São José do Rio Preto, uma equipe de Torça Tática do 17º Batalhão, em patrulhamento pela Vila Ramos, ao adentrar na Rua São Judas Tadeu, avistou um veiculo parado em frente a uma residência, veículo este ocupado por dois individuos (V.M.S. ajudante geral de 18 anos e G.C.S.S., pintor de 17 anos). Segundo a PM, tais pessoas já eram conhecidos pelo envolvimento com drogas. Os Policiais Militares diligenciaram na residência encontrando H.S. de 20 anos, profissão preparador automotivo, que confessou (segundo a PM) que iria vender entorpecente aos dois indivíduos que estavam no veículo. Nesta residência a PM fala que foram localizadas 45 porções de crack, 15 porções de maconha, 02 porções de cocaina e R$ 68,00.
O preso conduzido a central onde foi elaborado o auto de prisão em flagrante delito por tráfico de drogas e encaminhado ao Centro de Detenção Provisória- CDP.
Imagem- divulgação.



18-09-2014

Sabedoria já!



A cada dia verificamos que o Planeta está em constante evolução.
A ciência já está prestes a admitir o oculto.
A tecnologia está mais apurada.
A raça humana mais agitada.
As horas se tornam fragmentos de minutos condensados, o tempo é quase um vulcão faminto, em erupção constante e veloz, o mundo gira mais rápido, levando consigo a memória do que se foi.
E nessas ídas e vindas, conquistando a linha de frente, estamos nós
Que diante das intempéries viramos super heróis
E o que dizer da máxima "matar um leão por dia"?
Ahhhh, vamos mudá-la já!
Qual atrai mais benefícios? Matar um leão por dia ou Tirar o "s" da crise?
Sim, tire o "s" da crise e crieeee!
Vamos criar bons momentos
Esquecermos os lamentos
Agradecermos com desprendimento
Vamos valorizar o que temos
E não chorarmos pelo que não temos
A vida terá mais perfume se a enxergarmos florida
De nada valem as lamúrias, pois tornam os dias sem cor
O corre corre da vida nos tira a atenção
Para a beleza da natureza, que desvenda a ilusão
De que o vil metal não é tudo, faz parte de um contexto
É bem vindo, com certeza, mas não deve se impor
Pois o mais precioso da vida não tem preço, é o amor! (Denise Flamboiant)
Foto: Sabedoria já!

A cada dia verificamos que o Planeta está em constante evolução.
A ciência já está prestes a admitir o oculto.
A tecnologia está mais apurada.
A raça humana mais agitada.
As horas se tornam fragmentos de minutos condensados, o tempo é quase um vulcão faminto, em erupção constante e veloz, o mundo gira mais rápido, levando consigo a memória do que se foi.
E nessas ídas e vindas, conquistando a linha de frente, estamos nós
Que diante das intempéries viramos super heróis
E o que dizer da máxima "matar um leão por dia"?
Ahhhh, vamos mudá-la já!
Qual atrai mais benefícios? Matar um leão por dia ou Tirar o "s" da crise?
Sim, tire o "s" da crise e crieeee!
Vamos criar bons momentos
Esquecermos os lamentos
Agradecermos com desprendimento
Vamos valorizar o que temos
E não chorarmos pelo que não temos
A vida terá mais perfume se a enxergarmos florida
De nada valem as lamúrias, pois tornam os dias sem cor
O corre corre da vida nos tira a atenção
Para a beleza da natureza, que desvenda a ilusão
De que o vil metal não é tudo, faz parte de um contexto
É bem vindo, com certeza, mas não deve se impor
Pois o mais precioso da vida não tem preço, é o amor! (Denise Flamboiant)


Apoio:


18-09-2014

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Exposição Fotos - Rio Preto Shopping - Cinquentenário Polícia Militar Rio Preto

Nota de Imprensa

MEIO SÉCULO DE HISTÓRIA

Cinquentenário do 17º Batalhão de Polícia Militar do Interior e da
Banda Regimental de Música

São José do Rio Preto

O Comando da Polícia Militar de São José do Rio Preto informa que estão sendo programados diversos eventos em comemoração aos 50 anos de criação do 17º Batalhão e da Banda Regimental de Música do Comando de Policiamento do Interior 5.
Dentre estes eventos anunciamos que haverá uma exposição de fotos antigas (desde a década de 1960) e de fotos atuais, que rememoram e reafirmam o compromisso da Polícia Militar para com a sociedade riopretense.
A exposição estará em diversos centros comerciais de São José do Rio Preto e terá sua abertura no Rio Preto Shopping
Dia 18 de Setembro de 2014, às 20h00
Haverá a apresentação da tradicional Banda Regimental de Música do CPI-5
A exposição é gratuita. Venha conhecer!

Abaixo, um pouco da história do 17º Batalhão e da Banda Regimental de Música

As origens do 17º Batalhão de Polícia Militar do Interior remontam aos idos de 1944, quando foi criada a Segunda Companhia Independente, inicialmente sediada na Capital. Em 25 de setembro de 1964 foi criado o 17º Batalhão de Polícia Militar, já com sede na cidade de São José do Rio Preto, tendo como seu primeiro comandante o Tenente Coronel Jayme dos Santos.
Com algumas reformulações na sua área geográfica ao longo do tempo, hoje o 17º Batalhão de Polícia Militar do Interior é incumbido do policiamento ostensivo e preservação da ordem pública no município de São José do Rio Preto, valendo-se de um efetivo composto de homens e mulheres que, 24 horas por dia, promovem a segurança pública dos quase 500 mil cidadãos rio-pretenses.
Na condição de Unidade Operacional, executa policiamento ostensivo com diversos programas de policiamento tais como Radiopatrulhamento, Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas, Força Tática, Base Comunitária Móvel, Policiamento Ciclístico e Canil, além de executar o programa social denominado PROERD – Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência.
Historicamente, o 17º Batalhão de Polícia Militar do Interior tem um dos melhores índices de produtividade policial do interior e é precursor em iniciativas na área da segurança pública. Recentemente, implantou os Núcleos de Mediação Comunitária, atividade de natureza preventiva.

A Banda Regimental de Música
A Corporação Musical da Polícia Militar em São José do Rio Preto tem seu início em meados de 1964, começando com apenas alguns alunos do curso de formação de Soldados que, fazendo uso de instrumentos próprios, começaram seus ensaios e a produzir seus primeiros acordes de marchas, dobrados e hinos pátrios. Sua primeira apresentação em público se deu no desfile cívico de Sete de Setembro do ano de 1964, quando a tropa desfilava garbosamente sob o som harmônico e melódico de sua jovem banda, tendo à sua frente o então Mestre Regente, o 2º Sargento PM José Lopes de Carvalho. E ao longo de sua heroica e vitoriosa história, vem divulgando a cultura através da sublime arte da música, nos mais diversos setores da sociedade, abrilhantando eventos cívico-militares, realizando concertos, apresentações, recepções, homenagem a autoridades nacionais e internacionais, distribuindo alegria e entusiasmo, características adquiridas ao longo de sua profícua história, reforçando sempre a filosofia de Polícia Comunitária.

O 1º Tenente da Polícia Militar no Comando de Policiamento do Interior 5 Rafael Henrique Helena - fala sobre o crédito das fotos aqui publicadas. "Joilda. Agradecemos a publicação do nosso evento! Esclareço que estas fotos antigas pertencem ao arquivo de fotos do CPI-5. Observo ainda que as fotos utilizadas nas exposições históricas constam os créditos, inclusive aquelas que são do Arquivo PM do CPI-5. Grato."


17-09-2014.


"Candidatos Alegóricos"



O horário político virou um misto de comédia e desrespeito para com o povo brasileiro.
Fico a pensar como podem liberar tantas futilidades num programa de cunho tão importante. Talvez para manter o expectador diante do televisor, seja para rir ou para chorar haja vista as adversidades mostradas.
Se antigamente não havia público devido a seriedade em questão, hoje as pessoas param propositalmente diante da TV para tentarem descobrir se o Brasil tem jeito, isto é, se dentre tantos erros sobra alguém apto a abraçar cargos tão importantes.
Diante de tantos “candidatos alegóricos” alguns nos surpreendem mais. São palavras vazias, insinuações exóticas e “caras e bocas” sem conteúdo. Como diria Luciano Huck: “loucura, loucura, loucura...
Não podemos julgar um livro pela capa, porém lendo sua sinopse já temos uma noção do que ele nos proporcionará.
Conduzir um país certamente não é uma obra fácil, afinal se duas cabeças pensam diferente, imagine milhões, ou seja, nunca ninguém agrada a todos, porém é necessária a ferramenta adequada para galgar os degraus da nação com compostura, dignidade e sabedoria.
Como diz a música: Brasil, mostre a sua cara, quero ver quem paga pra gente ficar bem; Brasil, qual é o seu negócio, o nome do seu sócio... confie em mim!
Se para alguns cidadãos “mostrar a cara” é abrir o picadeiro e fazer piadas, ora engraçadas, ora insinuantes, está na hora de mudarem este conceito e respeitarem o eleitor, afinal o futuro não é uma brincadeira.
Fica aqui o meu manifesto!
Para chegar do outro lado do rio, não há necessidade de se despir, basta saber nadar! (Denise Flamboiant)

Apoio:




17-02-2014.

terça-feira, 16 de setembro de 2014

Passeio ciclístico marca o Dia da Árvore e a Primavera

A Prefeitura, por meio das secretarias de Esportes e Lazer de Rio Preto e Meio Ambiente e Urbanismo, realiza no próximo domingo (21/09), às 8 horas, o Primeiro Passeio Ciclístico da Primavera, para comemorar o Dia da Árvore e o início da estação, que começa dia 23 de setembro.
“Vamos aproveitar as datas próximas para refletir sobre o uso da bicicleta como meio de transporte e de lazer, incentivar ao plantio de árvores no município, o que aumenta a área verde, além da importância de preservarmos o rio Preto”, afirma o Coordenador de Eventos da Secretaria de Esportes e Lazer, Gabriel Lage.
Durante o percurso, que vai do Lago 2 da Represa Municipal e contorna o Parque do Rio Preto na Avenida Philadelpho Golveia Neto, haverá plantio de mudas de árvores.

A concentração acontece no Júpiter Olímpico, ao lado da Represa Municipal, a partir das 7h30.


Fonte-SMCS- imagens da internet.

Franquia

O Jornal do Povo Rio Preto conversou com a empresaria MIRLENA RATHLEF da Damme Esmalteria sobre o crescimento da sua franquia, negocio em alta, de retorno a olhos vistos, onde todos ganham, ou seja, ela, as manicures e clientes.
Empolgadíssima, e em busca de mais manicures-parceiras, Mirlena enfatiza "'ja estamos com 10 manicures... eram 5, lembra??? mas precisamos de pelo menos mais 4... detalhe... a média de ganhos esta variando de 1.200 a 1.800 por manicure... depende do quanto ela vai trabalhar (se vai só fazer o turno ou se vai estender) lembrando que o sistema é o de parceria... porque tentamos implementar o de carteira assinada e várias (manicures) disseram que se assim fizéssemos, iriam sair, pois o piso é baixo e a diferença de comissão acaba não ajudando muito. Estamos com uma clientela cadastrada que beira 2.800 e com a nossa ampliação a previsão é de cadastrar pelo menos mais 2.000... por isso estou dizendo que a médio prazo, teremos manicures tirando entre 2 e 3 mil por mes, facilmente!"

2ª Unidade
Futuramente (ano que vem, muito provavelmente), já abriremos a outra unidade e a previsão é que em cinco anos tenhamos 4 lojas pra poder iniciar o processo de disponibilização de franquias... por tal motivo, posso dizer com toda certeza de que muitas de nossas parceiras (aquelas que vestirem a camisa e acreditarem) acabarão sendo absorvidas nessa estruturação, deixando assim de ser manicures e passando a atuar num projeto maior. (Mirlena).


***Telefone: (17) 3216-7777.


Imagens: Damme esmalteria

Acusado de Trafico é preso na zona norte com quase quinhentas porções de maconha


As Delegacias DIG/DISE de São José do Rio Preto realizaram na tarde de sexta-feira, 12, a prisão em flagrante de V.H.B.S. de dezoito anos. Ele estava sendo investigado por vender drogas no bairro Santo Antônio. Os policiais descobriram através de investigações que o suspeito escondia maconha na sua casa, na Rua Atílio Lobanco, antiga 20 do bairro. A equipe ingressou no imóvel e após minuciosas buscas, encontraram quase quinhentas porções de maconha embaladas e prontas para o comércio.
Quando adolescente o detido já teve passagens pela polícia. Desta vez, com a maioridade, foi preso em flagrante por tráfico e será encaminhado ao CDP à disposição da Justiça.


Fonte e fotos-DIG-DISE-divulgação.

Homem de 34 anos é preso com sete tijolos de maconha


Na noite de sexta-feira, 13, policiais civis da DIG/DISE de São José do Rio Preto faziam diligências visando combater roubos e tráfico de drogas no Parque Industrial, quando avistaram uma camionete S-10, em rua erma e atitude suspeita. Verificaram ainda que a camionete estava sem a placa dianteira, e diante disto os policiais civis seguiram o veículo e deram ordem para que ele parasse, mas o condutor seguiu sentido Recinto de Exposições em alta velocidade, porém acabou se rendendo na marginal da Rodovia Washington Luís. Após abrir a porta da camionete, os policiais encontraram ao lado do motorista sete grandes tijolos de maconha. Anderson Claudio Noli, de 34 anos, foi preso em flagrante por tráfico de drogas.
Ele é morador da cidade de Catanduva e disse que estava levando a droga de Rio Preto para aquela cidade. O autuado saiu da cadeia há três meses, onde cumpria pena também por narcotráfico.
Fonte e fotos:DIG-DISE-divulgação.

Bingo clandestino é fechado

Na tarde de segunda-feira, 16, policiais civis da DIG/DISE de Rio Preto estouraram mais uma casa de bingo clandestino. Desta vez a ação ocorreu no bairro Manoel D’Larco, zona norte da cidade. Investigações apontavam que uma residência aparentemente familiar era frequentada por apostadores. Com mandado de busca expedido pela 5ª Vara Criminal, os policiais civis foram até o endereço e constaram que havia três máquinas em pleno funcionamento e duas desligadas. A responsável pela jogatina, S.A.G.L. de 42 anos, foi conduzida à DIG e responderá à contravenção penal de jogos de azar e pode responder ainda por crime contra a economia popular. Segundo ela, esta é a terceira passagem pelo mesmo motivo. A reincidência é comum porque a pena para a contravenção é branda no Brasil. Uma jogadora também foi encontrada apostando e será ouvida como testemunha.
A Polícia Civil de Rio Preto nota que essa contravenção tem dilapidado o patrimônio de muitos jogadores, a maioria pessoas idosas. As famílias ficam desesperadas vendo seu ente se enterrando no vício. Por isso a colaboração da população é fundamental para extirpar essa prática que, em alguns casos, destrói lares. Por isso a necessidade de aumentar a pena para jogos de azar para desestimular a reincidência.

A DIG/DISE reitera que se alguém souber de pontos de bingos clandestinos, deve ligar anonimamente para o telefone 197. A ligação é gratuita e o sigilo é garantido.


**Imagens e fonte:DIG-DISE- divulgação.

Pirataria

Operação apreende 560 mil itens na feirinha da madrugada

A Polícia Civil apreendeu 560 mil itens durante ação contra o comércio clandestino na região central de São Paulo. A operação aconteceu entre o final da madrugada e início da manhã de terça-feira (9).

Integrantes da 1ª DIG (Delegacia Anti-Pirataria), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), recolheram bolsas, óculos, relógios, camisetas e bonés, entre outros objetos.

Foram abertos 22 inquéritos para apurar crime contra propriedade imaterial. No total, 21 pessoas prestaram declarações. O material será periciado.
Foto: Operação apreende 560 mil itens na feirinha da madrugada

A Polícia Civil apreendeu 560 mil itens durante ação contra o comércio clandestino na região central de São Paulo. A operação aconteceu entre o final da madrugada e início da manhã de terça-feira (9).

Integrantes da 1ª DIG (Delegacia Anti-Pirataria), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), recolheram bolsas, óculos, relógios, camisetas e bonés, entre outros objetos.

Foram abertos 22 inquéritos para apurar crime contra propriedade imaterial. No total, 21 pessoas prestaram declarações. O material será periciado.

Fonte e foto:SSP_SP

Fiscalização

Operação Desmanche fecha 160 estabelecimentos em 2 meses

Foram lacrados 45% dos locais vistoriados

A Operação Desmanche fechou mais 160 estabelecimentos, entre lojas de autopeças e desmanches, que atuavam irregularmente em todas as regiões do Estado de São Paulo. As operações de fiscalização começaram em 14 de julho, após o período de adequação da Lei dos Desmanches – criada para combater o roubo e o furto de veículos e o comércio ilegal de peças.

As ações contaram com equipes das polícias Civil, Militar, Técnico-Científica, do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), das prefeituras e da Secretaria Estadual da Fazenda, de cada região da Capital, Grande São Paulo e Interior.

Desde o início das fiscalizações, foram realizadas 56 operações contra desmanches, que vistoriaram 294 estabelecimentos e fecharam 162. Isso representa o fechamento de 45% dos locais fiscalizados. Oito ações foram na Capital, oito na Grande São Paulo e 40 no interior. Houve cinco flagrantes, com prisão ou apreensão de peça adulterada/roubada.

A Lei dos Desmanches foi criada para combater a venda irregular de veículos e peças usadas, e, consequentemente, diminuir os índices de furto e roubo de veículo. Na Argentina, onde lei semelhante foi implantada na década passada, a queda dos roubos e furtos de veículos foi de 50%.

O decreto que regulamenta a Lei dos Desmanches utiliza os critérios da Lei Ficha Limpa para autorizar o funcionamento destes estabelecimentos.

São José do Rio Preto

As ações mais recentes aconteceram no dia 15, no interior do Estado. Pela primeira vez, a operação chegou à região de SÃO JOSÉ DO RIO PRETO, com a fiscalização de 12 comércios em cinco cidades da área.

Em Bady Bassit – a 465 quilômetros da Capital – foram vistoriados quatro estabelecimentos. Do total, dois foram lacrados. Em um dos locais fechados, a polícia apreendeu para perícia uma motocicleta que estava com o número do chassi raspado e placas trocadas.

Um dos endereços vistoriados em Bady Bassit que estava regular recebeu um auto de infração por não ter sido apresentado pelo dono algumas notas fiscais. 

No município de Tanabi, distante 493 km de São Paulo, foram fiscalizados e emparedados dois comércios que não atendiam às regras da Lei dos Desmanches.

Em Potirendaba - a 447 km da Capital -, dois dos três estabelecimentos foram interditados e lacrados. Na cidade de Nipoã, distante 509 km de São Paulo, as equipes vistoriaram dois comércios, que foram autuados pelo Detran.

No município de Icem, localizado a 503 km da cidade de São Paulo, um local foi vistoriado e emparedado. Além disso, a Polícia Civil encaminhou um ofício à Prefeitura avisando que o estabelecimento funcionava sem alvará do município.

Mogi-Guaçu e Itapetininga

Outras duas operações aconteceram nesta segunda-feira. Uma delas foi em Mogi-Guaçu e terminou com a fiscalização de seis endereços. Do total de estabelecimentos vistoriados no município localizado a 164 km da Capital, três foram interditados e lacrados.

A outra Operação Desmanche do dia aconteceu em Itapetininga, que fica a 170 quilômetros da capital paulista. Todos os quatros comércios alvo da ação foram emparedados por não terem o cadastro no Detran, exigido pela lei.

Fonte-SSP-SP.

Imagem- ilustração.

terça-feira, 9 de setembro de 2014

SUPOSTO ALICIADOR DE MENORES PARA O TRÁFICO É PRESO EM RIO PRETO



O pedreiro Gustavo Nogueira Guilherme, 24 anos, foi preso em 08 de setembro de 2014, por policiais da DIG-DISE- Delegacias de Investigações Gerais e Sobre Entorpecentes. Segundo consta, ele era investigado por supostamente fornecer entorpecente para menores efetuarem a venda, portanto aliciando os infratores para o tráfico, se escondendo por detrás deles. (Isto para mim cheira a crime hediondo).
Das Investigações-
Os policiais do Setor de Inteligencia das especializadas há dois meses vinham investigando a vida do Gustavo, seguindo seus passos, ele que morava no Bairro Solo Sagrado, na região norte da cidade, e que agora, com as bençãos da justiça, por um bom tempo, vai morar na cadeia, autuado que foi por tráfico de drogas e corrupção de menores.
DA APREENSÃO

Consta nos autos, que debaixo da cama do pedreiro foram apreendidas 725 buchinhas de maconha já prontas para o comércio e mais uma porção da mesma droga acondicionada em meio tijolo, cujo peso não foi divulgado.
*Com imagem da DIG-DISE você confere os produtos que constam como apreendidos com o acusado. As informações sobre o caso tem como fonte o setor de imprensa daquela especializada, onde os policiais são feras no combate ao narcotráfico, cumprindo dever de oficio, e em beneficio da comunidade. Ponto.

***09-09-2014:

Nota de Imprensa > POLICIA MILITAR PRENDE QUADRILHA QUE PRATICOU ROUBO A LOTÉRICA

No dia 08 de setembro de 2014, Policiais Militares de São José do Rio Preto prenderam pessoas que praticaram roubo a uma Casa Lotérica no município de Neves Paulista, segundo consta da Nota de Imprensa recebida pelo Jornal do Povo de Rio Preto disparada pelo Setor de Imprensa do CPI-5 - o Comando de Policiamento de Área.

O crime aconteceu por volta das 16h00. O Centro de Operações da Polícia Militar (Copom), ao tomar conhecimento do ilícito, irradiou o fato às equipes de serviço, informando a placa do veículo utilizado para fuga (veículo este com destino a S.J. Rio Preto). Os Policiais Militares iniciaram ações imediatas a fim de localizar o automóvel e os autores do crime.
Durante as diligências, os Policiais chegaram até M.C.P. de 24 anos na Zona Norte de São José do Rio Preto e no interior do veículo foi localizada uma nota de R$ 100,00. Ao ser indagado, confessou que emprestou o veículo para a prática do roubo a seus amigos - J.M.L. de 20 anos e A.C.L.M.S. de 24 anos; este último morador de Neves Paulista.
Em diligencia a casa de J.M.L foi localizada a quantia de R$ 20,00 e com uma moça que o acompanhava mais R$ 200,00.
Os indivíduos confessaram que dispensaram parte do dinheiro e roupas pessoais, porém os valores não foram encontrados. Em Neves Paulista o outro envolvido A.C.L.M.S. foi encontrado em sua residência, sendo localizado um simulacro de arma de fogo, a mochila utilizada para carregar o dinheiro e mais R$ 690,00 em dinheiro.
Dada voz de prisão a todos os envolvidos e conduzidos até a central de Flagrantes, onde M.C.P., J.M.L. e A.C.L.M.S. permaneceram presos por roubo e formação de quadrilha.
A Polícia Militar mais uma vez corrobora o seu compromisso com a sociedade em combater incansavelmente a criminalidade.

São José do Rio Preto, 09 de setembro de 2014.
Relações Públicas do Comando de Policiamento do Interior 5
Av. Dos Estudantes, nº 1980, Boa Vista, São José do Rio Preto

Foto arma:Polícia Militar -divulgação

Foto-Corpo de um dos acusados: PM-Alessandro Delabona -divulgação.


*09-09-2014.

segunda-feira, 8 de setembro de 2014

Enquanto houver esperança

Eu nunca fiz planejamento. Talvez por acreditar que nada seja por acaso e que tudo aconteça no momento certo. Mas o tempo passa, e se ficarmos aguardando que as coisas aconteçam, elas não fluem. Hoje, já balzaquiana, penso ainda que tudo tem uma razão de ser, mas é necessário correr! Correr atrás, agir, mover-se!
Certo dia eu me deparei com uma comunidade que achei fantástica: " Deus disse: desce e arrasa! " Adorei!!! Já que estamos aqui embaixo, vamos botar pra quebrar e fazermos o melhor.
Em certa fase da vida refletimos mais. Vejo que as críticas construtivas são aceitas com sabedoria, à partir delas conseguimos enxergar melhor nossas falhas e tentamos nos policiar nas atitudes, nos lapidando diariamente com a esperança de deixarmos, um dia, de sermos meras pedras brutas, e nos transformarmos em belos diamantes. Há pessoas que já brilham naturalmente, têm luz própria, e quando chegamos perto de pessoas assim nos sentimos sob holofotes, tal a sua luminosidade. São pessoas sábias, que cultuam o espírito de forma a enriquecerem a quem as circunda, investem em coisas edificantes e sabem como aconselharem e apontarem erros sem ferirem. Muitos exemplos de pessoas iluminadas eu posso citar aqui: Madre Tereza de Calcutá; Chico Xavier; Ghandi;Airton Senna, entre outros.
Hoje em dia o ser humano parece não ter mais este brio. Nos deparamos com feras bravias disfarçadas de pessoas, agindo de forma grotesca e assustadora, envergonhando até os animais quando comparadas com irracionais, afinal estas pobres criaturas matam apenas para a sua sobrevivência. Os crimes hediondos são cada vez mais constantes. O Homem perdeu a noção do certo e do errado, do bonito e do feio, do amor e do ódio, da alegria e da dor... Por prazer se mata, por amor também, por frieza se maltrata, por insensatez espanca-se e se sente bem... O Planeta está assim, embora a maioria diga que isso tudo faça parte do nosso país, que não tem uma boa educação. O mundo está em choque, em constante transformação, a própria natureza está desequilibrada, todos vivem sob tensão...
Diante de tanta rebeldia, de tanta catástrofe e da nostalgia dos velhos tempos, resta-nos acreditar que isso tudo faz parte de uma limpeza global, que vai passar, que uma era melhor está pra chegar. Temos de seguir firmes, convictos da vitória, sem esmorecermos, escrevermos nossa história, afinal se há tanta coisa ruim acontecendo, chorarmos ou cruzarmos os braços só irá contribuir para que a energia densa do Planeta se intensifique. Importante agora é darmos o exemplo, e isso começa dentro de casa: um sorriso de bom dia, um muito obrigada quando nos fazem um favor, um ombro amigo quando percebermos um olhar triste, um simples oi quando encontrarmos um colega... tudo isto parece banal, mas é desta forma que vamos mudando o mundo, agindo educadamente, com o coração, driblando as dificuldades da vida sem perdermos o bom humor, e rezando muito para que todos tenhamos consciência de que depende de nós que o turvo do Planeta desapareça para que volte a brilhar como um límpido Planeta Azul.
E enquanto houver esperança, haverá um brilho no olhar, e enquanto houver este brilho no olhar, haverá uma bela melodia a se cantar, e enquanto houver música, a vibração do Planeta pode cada vez mais se harmonizar, e enquanto houver harmonia, o amor fatalmente irá reinar!

Denise

Apoio



08-09-2014.


quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Tráfico III

DIG/DISE manda mais trêsacusados de trafico para a cadeia

Nesta quinta-feira, 04-09, policiais civis da DIG/DISE de Rio Preto prenderam mais três pessoas envolvidas no tráfico de drogas.
A primeira ocorrência foi no bairro Nova Esperança. Os policiais tinham informação de que P.H.O.V. de 28 anos estaria traficando drogas, guardando o entorpecente em sua residência. A equipe foi até a casa dele e apreendeu cinco porções de cocaína e mais uma porção maior da mesma droga, a qual ainda seria subdividida. P. Já tinha passagem por tráfico e foi conduzido à DIG e preso em flagrante.
Em seguida os policiais foram até o bairro Santo Antônio e surpreenderam E.O.S. de 35 anos. Ele estava traficando maconha na rua e foi abordado pelos policiais. E. estava cumprindo pena no regime aberto, visto que possui condenações por tráfico, associação ao tráfico, e porte de arma de usos restrito.
A terceira ocorrência foi no Jd. das Oliveiras. Policiais civis faziam campana num conhecido ponto de tráfico de drogas e surpreenderam D.R.R. de 22 anos desenterrando porções de cocaína de seu esconderijo. Ele foi detido pela equipe e preso por tráfico.
Na últimas 24 horas as Delegacias Especializadas DIG/DISE prenderam onze pessoas envolvidas na traficância de narcóticos e mais pessoas podem ser presas ainda hoje.
São policiais como os da DIG-DISE que fazem a diferença no seio de uma comunidade que anseia por segurança e justiça. Parabéns!

04-09-2014.
Fonte e fotos:DIG-DISE-divulgação.